0

Tá, eu voltei…

Oi.

É, eu sumi por um tempinho. Fiquei meio chateada porque você não colaborou com meus planos malucos de um aniversário onde eu descobriria que estava grávida e tudo seria perfeito. Foi uma festa bem legal, bem feito que você não estava lá pra dançar “Like a Virgen” comigo…

Enfim, depois disso resolvi fingir que nem estava assim tão interessada em engravidar. Esqueci até o dia da minha menstruação, não fiquei mais fazendo conta, nem tomei ácido fólico direito, bebi muito, comi muita porcaria e prometi pra várias pessoas diferentes que ia fazer academia com elas… até que um dia topei com a Dra Cristina no corredor da clínica e quando vi já tinha perguntado sobre o tempo que estava levando pra engravidar. Ela marcou uma consulta e me deu alguns exames pra fazer, e então eu percebi que, embora tenha passado dois meses fingindo que não queria saber de você, eu queria você cada vez mais!

E lá fui eu fazer meu primeiro ultrassom. Não foi bonitinho como aqueles de grávida que a gente vê na tv. Chama-se ultrassom transvaginal e é por causa disso mesmo que você está pensando. Mas vou te confessar uma coisa: quando vi a imagem do meu útero na tela – e essa é igualzinha à da tv – o coração deu aquele pulinho e eu imaginei você lá dentro… é, eu sei, vou chorar e pagar o maior mico quando for pra valer, fazer o quê…

O resultado é que, no primeiro exame, eu estava pra ovular dali a dois dias. Aproveitei pra namorar bastante, e no segunda exame eu já tinha ovulado. Ok, beleza, eu estava já saindo da sala feliz por ter descoberto que ovulava normalmente quando a médica me solta essa:

– Você já pode fazer o exame de sangue daqui a 7 ou 10 dias.

– Assim rápido?

– Claro que o ideal é esperar o atraso, mas se você estiver muito ansiosa…

Bom, até então eu não estava nem cogitando direito a possibilidade de engravidar, só que agora eu estava ansiosa, MUITO ansiosa! Ainda mais porque dali a uma semana era aniversário do seu pai!!!

Quase fui fazer o exame de sangue nesse dia, mas me segurei porque sabia da imensa probabilidade de dar negativo, mesmo se eu estivesse grávida. E quando a noite seu pai me pediu um filho de presente, quase chorei…

Agora o dia está mais próximo, mas eu não me sinto muito grávida, tô com cólica e tudo. E esse mês vai ser um pouquinho mais frustrante, porque nem a desculpa que não tentei direito eu tenho…

Anúncios